Educação

Univali cria fundo patrimonial para captar recursos

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

FOTO: DIVULGAÇÃO

Proposta é contribuir com iniciativas educacionais e projetos da universidade

Está aí uma boa ideia, que pode ser replicada em outras instituições de Ensino Superior do Brasil. Não chega a ser novidade, o sistema de captação de doações é muito comum em outros países, principalmente nos Estados Unidos, onde é utilizado até pelas instituições mais renomadas, como Harward, Yale, Princeton e Stanford. Por aqui, a Universidade do Vale do Itajaí (Univali) criou seu modelo particular, o Fundo Patrimonial Amigos da Univali.

A nova associação civil sem fins lucrativos nasce como uma alternativa jurídica legal para atender à demanda de interessados em contribuir com iniciativas e projetos desenvolvidos pela Univali. Por meio dela é possível captar, gerir e destinar doações de pessoas físicas e jurídicas.

A entidade viabiliza o apoio ao ensino, ciência, tecnologia, pesquisa, inovação, cultura, saúde, meio ambiente, assistência social, desporto, segurança pública e direitos humanos. Trata-se de uma entidade com personalidade jurídica própria, desvinculada da Fundação Univali e de suas mantidas, possuindo, na condição de associação civil, total autonomia e independência em relação à sua gestão administrativa, jurídica, patrimonial, econômico-financeira e contábil. A independência e autonomia da associação garantem que os recursos financeiros do fundo sejam geridos exclusivamente pela própria associação, com seus órgãos deliberativos e consultivos, sendo vedado o comprometimento destes recursos com o orçamento corrente da Fundação Univali e/ou de suas entidades mantidas.

De acordo com o reitor da Univali, professor Valdir Cechinel Filho, a proposta segue o modelo dos endowments funds, iniciativa ainda incipiente no Brasil, utilizada pelas maiores universidades do mundo, nas quais empresas privadas, mecenas e ex-alunos contribuem com as instituições de ensino, de forma espontânea, para auxiliar na manutenção de suas estruturas e atividades, principalmente de ensino, pesquisa e extensão. “Recebemos constantemente manifestações de pessoas e empresas com interesse em doar e contribuir em ações e projetos da nossa universidade, mas não tínhamos antes um caminho legal para isso. Os endowments são iniciativas de sucesso já amplamente utilizadas no exterior que podem se tornar um mecanismo para a sustentabilidade, em médio e longo prazo, da Univali. É uma forma de muitos que foram auxiliados de alguma forma retribuírem à instituição, ou seja, é a gratidão gerando oportunidades e transformando vidas por meio da educação”, comenta Cechinel.


Flor
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Flor

destaques

To Top